Cortei meu cabelo! Por que?




E aí maninhos!!!
Primeiro post de 2017...
Eu realmente me afastei do blog por inúmeros motivos pessoais e por não estar mais tão ligada em maquiagem até por motivos financeiros portanto vou começar a diversificar os assuntos por aqui.

O post de hoje eu já devia desde dezembro que foi quando tomei a decisão de desapegar de vez das minhas madeixas ruivas. Mas por qual razão eu fiz isso?

Bom... eu sempre fui uma pessoa muito inconstante com a minha aparência e desde os meus 18 anos eu estou mudando os cabelos seja no corte ou na cor como vocês podem ver nas fotos abaixo:



Tesoura e coloração pra mim nunca foram um problema. Se meu cabelo estivesse saudável eu fazia sem medo do resultado... Porém com o corte pixie não foi bem assim. Eu me apaixonei por ele em 2012 com a inspiração da lindissíma Anne Hathaway mas sofri uma enxurrada de julgamentos de familiares do tipo: "Vai ficar igual um homem" , "Vai estragar seu cabelo e perder sua feminilidade" e outros que eu nem gosto de lembrar portanto adiei a ideia.

Primeiro corte que me inspirou:
 

Outra inspiração que eu tive mas em meados de 2015 foi a linda blogueira Linda Kramer +Linda Kramer  que desapegou de madeixas bem maiores que a minha e hoje não larga o pixie por nada nesse mundo.


Depois de muitas mudanças eu decidi arriscar no ruivo natural em julho de 2016 e como eu estava com o cabelo saturado de tinta preta eu passei por um longo processo de descoloração que por mais que tenha sido feito com todo o cuidado do mundo danificou meu fio. Não muito mas num determinado ponto começou a me incomodar.



Por mais cuidados que eu tivesse ele continuava com as pontas secas e em alguns dias eu só conseguia sair de casa se usasse chapinha. Aliado à isso ainda existia o fato de que ainda haviam muitas partes tingidas de preto pois fiz luzes e não um processo de descoloração total.

Ou seja eu tinha duas opções:

Fazer um corte radical ou deixar crescer e ir cortando gradativamente.

Eu mesma. Ansiosa Melo escolheu a primeira opção e aliei a necessidade e a vontade de ter os cabelos bem curtos.

Em dezembro de 2016 eu tomei a decisão sem pensar muito em gastos ou qualquer coisa que pudesse me fazer voltar atrás simplesmente entrei no salão e pedi pra me livrar de todo aquele cabelo seco.

E o resultado foi esse:


Não vou negar que o impacto foi grande mas foi um impacto bom e eu nunca imaginei que fosse gostar tanto de mim assim... tudo o que as pessoas falaram pra mim caiu por terra. Nunca me senti tão feminina e bem comigo mesma.

E assim que cheguei em casa retoquei a cor e tirei fotos melhores do corte até pra quem se interessasse pudesse levar no seu profissional de confiança como inspiração.


Os cuidados são os mínimos possíveis. eu diminui consideravelmente a quantidade de produtos que eu uso como Shampoo,condicionador, tonalizantes e tintas portanto economia garantida.

Eu realmente não preciso usar escova com esse corte pois a graça dele é usar bem bagunçado mesmo portanto só arrumar com as mãos mesmo já resolve e deixa estiloso.

Só comecei a usar dois produtos mas isso é opcional de cada um. foram o creme antifrizz da avon e o reparador de pontas da garnier ambos para modelar o fio no pós banho.

 

















Muita coisa boa até aí mas existem um porém...
Meu cabelo cresce muito rápido e eu senti necessidade de fazer a manutenção do corte de 15 em 15 dias portanto seriam dois cortes por mês e mais gastos com coloração e tonalização. Aliado à tudo isso ainda junta minha personalidade que gosta de mudar o tempo todo portanto por essa razão decidi deixar crescer mas vou aproveitar toda essa fase gostosa do curtinho e quem sabe voltar pra ele lá na frente quando a situação financeira estiver melhor....
 

Depois de 15 dias do corte acima.

Janeiro de 2017.


Em janeiro de 2017 eu retornei no salão para acertar o corte em um formato que fosse se adaptando em um chanel já que o pixie é mais curto atrás e comprido e repicado na frente e ficou assim. Ficou bem princesa e um visual mais arrumadinho.

Fevereiro de 2017.

Desde janeiro eu não corto ele e já está com uma carinha diferente e um crescimento bom. Já começa a ter ares de chanel no lado esquerdo e eu espero que daqui para Abril ele já esteja na altura do queixo.

E essa é minha saga capilar até agora maninhos...

Queria dividir com vocês e ajudar quem tem dúvidas sobre esse corte tão lindo mas que assusta muitas mulheres ainda.

O Salão que eu fiz fica na Angustura com a Pedro Miranda
Salão Naldo e Lidiane. Eu indico pois só corto meu cabelo com o Naldo desde os meus 6 anos de idade e ele atende minha família inteira <3 

Espero que tenham gostado. Se vocês ainda tem dúvidas pode deixar comentário aqui, na página do face ou no instagram.

E me contem o que acharam da aparência nova do blog também coisinhas da minha vida... Um beijo e até o próximo post <3


 
 

0 comentários:







Layout base por Julie Duarte ♥ Modificado e customizado por Segredo Feminino